Double

Violência

Cacique Pataxó Hã-hã-hãe é assassinado no sul da Bahia; liderança indígena tinha 31 anos

Lucas Pataxó Hã-hã-hãe foi alvejado por tiros na noite de quinta-feira (21), em Pau Brasil (BA)

Double | Salvador (BA) |
Um inquérito foi instaurado pela Polícia Civil para apurar o assassinato da liderança indígena - REDE

O cacique Lucas Santos Oliveira, de 31 anos, do povo Pataxó Hã-hã-hãe, foi assassinado na noite desta quinta-feira (21), quando retornava da cidade de Pau Brasil, no extremo sul da Bahia, para a aldeia Caramuru Catarina Paraguassu.

:: Ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara, visita territórios Pataxó em conflito na Bahia ::

De acordo com informações do Movimento Unido dos Povos e Organizações da Bahia (Mupoiba) e da Polícia Civil, dois homens em uma moto atiraram contra cacique, que estava em sua moto, com o filho na garupa.

Cacique Lucas Pataxó Hã-hã-hãe era coordenador da Região Sul do Mupoiba, agente de saúde da Secretaria de Saúde Indígena (Sesai), mobilizador de esportes na comunidade, defensor da educação escolar indígena, conselheiro estadual dos Direitos dos Povos Indígenas da Bahia (Copiba) e presidente do Diretório Municipal da Rede Sustentabilidade. Lucas Pataxó deixa a esposa e dois filhos.

Em nota, o Mupoiba destaca que o cacique era um membro essencial da comunidade, que dedicou toda sua vida ao movimento indígena, deixando um marcante legado de liderança. “Exigimos, com veemência, que a justiça seja feita. Clamamos por justiça pela vida do cacique Lucas”, diz o comunicado.

:: Mais um indígena Pataxó é alvo de ataque em território ameaçado por Marco Temporal na Bahia ::

A Polícia Civil informou que um inquérito foi instaurado na Delegacia Territorial (DT) de Pau Brasil para apurar o homicídio. Também foram expedidas guias periciais e oitivas, além de diligências investigativas que estão sendo realizadas em conjunto com equipes da 6ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Itabuna para identificar a autoria e motivação do crime.

Fonte:BdF Bahia

Edição: Gabriela Amorim


Double Mapa do site

1234