Double

50 anos de Stonewall | O pontapé inicial da luta LGBT

Conheça o ato de resistência que ficou conhecido como o marco do movimento LGBT

Há 50 anos, em uma época em que bares eram proibidos de vender bebidas para homossexuais e as pessoas eram obrigadas por lei a usar roupas de acordo com seu sexo biológico nos Estados Unidos, um ato de resistência à repressão policial deu início ao que ficaria conhecido como o marco do movimento LGBT. Controlado pela máfia, o bar Stonewall Inn, em Nova York, tinha um acordo com a polícia e vendia bebidas alcoólicas para quem quisesse comprar, tornando-se um dos poucos espaços seguros para essas pessoas. Na noite do dia 28 de junho de 1969, porém, a polícia descumpriu o acordo e entrou no bar no momento de maior movimento ameaçando prender funcionários e clientes.

Gays, lésbicas, transexuais e drag queens que frequentavam o bar decidiram que não aceitariam mais sofrer abuso policial. Diferentemente do que acontecia normalmente, eles não fugiram e encurralaram a polícia. Treze pessoas acabaram presas, o que só fez acirrar os protestos, que duraram cinco dias.

A partir de então, o movimento LGBT se consolidou e ganhou força nos Estados Unidos e no mundo. Não à toa, junho é o mês da maioria das Paradas do Orgulho LGBT no mundo, e o dia 28 virou o Dia do Orgulho LGBTI.

Conheça a história de luta do movimento LGBT no Brasil e no mundo.

FICHA TÉCNICA Texto: Cris Rodrigues | Edição: Luiz Albuquerque | Revisão: Aline Carrijo| Design: Fernando Badharó e Michele Gonçalves | Coordenação: José Bruno Lima, Luiz Albuquerque e Nina Fideles

Double Mapa do site

1234